Empreendedores dão dicas de como atrair clientes que adoram pratos diferentes e inovadores

Resultado de imagem para melchior neto
Melchior Neto

Feijoada, coxinha, pastel, três receitas que agradam o paladar brasileiro. Mas uma moda que nasceu nos Estados Unidos, chegou por aqui criando um novo prato misturando esses quitutes, e alavancando muitos negócios por aqui.

Duas delícias, um só prato, você já pensou em experimentar um pastel de feijoada? Muitos provaram e disseram que realmente combina, que ficou uma delícia. O chefe de cozinha e empresário, Melchior Neto, também criou o sanduíche de pastel, o recheio vai de acordo com a vontade do cliente. Também tem as pizzas de legumes e de doce de maçã.

“Eu fiz uma pizza no estilo francesa Ratatouille, que são legumes grelhados, e uma outra pizza de origem alemã. Eu viajo muito, então tudo que eu vou provando eu vou adaptando para as minhas novas receitas nos meus restaurantes. O legal é o diferencial, você fazer coisas novas, misturar sabores”, diz Melchior.

E essa é uma tendência, misturar duas iguarias nada light. Tem quem ache isso genial, outros acham isso bizarro. Mas tem invenções para todos os gostos e algumas delas tornaram-se um vírus na internet, como é o caso da pizza com borda de coxinha. A coxinha é um quitute onde foram encontradas mais variações entre todas. Em uma casa em São Paulo, um dos destaques é o cochurros, uma mistura de coxinha com churros utilizando a massa do churros e o doce de leite. Mas o carro-chefe mesmo é o coxiburguer, uma mistura de coxinha com hambúrguer.

“Nós vendemos uma média de 4,5 mil coxinhas por mês e as mais solicitadas são as de torresmo, pernil, filé mignon. As coxinhas doces mais vendidas são as de leite em pó com avelã e a de brigadeiro gourmet com morango”, diz o chefe de cozinha Flávio Ferreira.

“A coxinha, por exemplo, é uma saída rápida e fácil para quem está pensando em vender salgados, devido ao seu preparo que pode ser aprendido em pouco tempo e com um custo benefício de sua produção e venda acessível para todos. O brasileiro adora uma coxinha, pode ser no café da manhã ou no café da tarde, sempre agrada ao paladar de todos”, diz Flávio.

“O interessante é dar a ela uma cara nova, abusando dos ingredientes simples e deliciosos que existem na culinária brasileira e típicos de muitas regiões, um exemplo é a famosa coxinha com recheio de jaca, que tem feito muito sucesso por onde passa”, reforça Flávio.

“Investir em algo novo sempre é valido na busca de novos clientes. Mudanças simples que podem fazer a grande diferença na hora de conquistar uma cartela de clientes que frequentam o seu estabelecimento com assiduidade. Para quem tem um restaurante, uma doceria, um carrinho de cachorro-quente, entre outros, saber inovar com qualidade e criatividade faz a grande diferença”, diz Melchior.